6 de março de 2018 Para barbudos Nenhum comentário

É comum ver um barbudo ou outro com os cabelos de uma cor e a barba de outra. Mas esse fenômeno — que muitas pessoas ainda não entendem — é algo simples de explicar.

A cor da barba diferente do cabelo, na maioria das vezes, não é algo que aconteça porque a pessoa decidiu pintar a barba de uma cor diferente, muito embora isso aconteça com alguma frequência.

No post de hoje, você vai ficar sabendo mais sobre esse assunto e desvendar as suas dúvidas. Confira!


O que ocasiona essa diferença de tonalidade?

A cor da barba diferente do cabelo é, basicamente, um fenômeno genético. Sendo assim, se esse for o seu caso, não adianta raspar o bigode ou cavanhaque esperando que eles nasçam novamente da mesma cor de sua cabeça. A combinação de seus genes é o que define essas cores.

Tudo isso ocorre por conta das cores existentes na melanina — uma proteína que tem a função de pigmentação, e está presente no nosso DNA. Há três tipos de melanina:

  • eumelanina;
  • feomelanina;
  • neuromelanina.

A neuromelanina não é importante para o nosso questionamento. A eumelanina, por outro lado, é a responsável pelo pigmento mais escuro do fio. A feomelanina dá aquele pigmento mais claro — como tons de loiro e avermelhado.

O que vai determinar a cor da barba são as combinações desses dois tipos de melanina. Se a eumelanina for mais presente, a barba será mais escura. No caso da feomelanina, a barba terá tons mais claros.

O sol também altera a cor da barba?

Sim, isso pode acontecer. Os raios de sol atuam na barba da mesma forma que atuam nos fios da cabeça. Se você passar por um período prolongado de exposição ao sol, pode ter certeza de que notará alguma mudança na cor.

Mas cuidado: essa exposição pode, também, ressecar esses pelos. Assim, hidratações regulares são extremamente importantes — e uma dica: os produtos à base de óleo são ótimos para proteger a barba e evitar esses danos.

Posso pintar a barba de uma cor diferente do cabelo?

Você pode, claro. E pode também, inclusive, fazer o inverso: se você tem barba e cabelo com tonalidades diferentes, e não curte muito, é possível tingir um dos dois para que fiquem uniformes.

Mas, se você deseja ter os dois de cores diferentes, não há problema algum. Nesse caso, procure um profissional para fazer isso, certo?

Lembre-se também de usar produtos adequados para a manutenção da cor e tratamento diário. Uma barba bem cuidada e hidratada sempre será bem vista — independentemente de ser pintada ou não.

Tendo — ou não — essa mutação genética que deixa a cor da barba diferente do cabelo, não se esqueça do cuidado diário dessa região.

Para manter a barba bonita e estilosa, não basta apenas deixá-la crescer: é necessário um olhar atento às necessidades. Igual você faz com o seu cabelo.

Quer saber mais sobre este e outros temas similares? Assine a nossa newsletter e fique por dentro de tudo em primeira mão!

Escrito por Pelas Barbas